"Alguns sentimentos, experiências, fatos marcantes, pessoas, amizades, conquistas, sons, versos, poemas, imagens, lugares, idéias, ideais, sonhos, paixões, anseios, fôlego... tudo isso transformado em palavra."
[Importante] Caro leitor, sinta-se a vontade em divulgar os textos aqui postados, referenciá-los e etc, só não se esqueça de mencionar a fonte, o autor e o link para o blog. Todos os textos são registrados. Obrigado!

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Procura-se um Amigo... [2005]

Dia desses estava dentro do ônibus, rumo ao trabalho, e numa das curvas avistei uma bela casa, grande e com um bonito jardim ao redor. Notei que a bela casa tinha andar superior, era bem murada e em seu portão de madeira havia um cartaz com os dizeres: “Procura-se um amigo”.

Realmente o que mais me chamou a atenção não foi a arquitetura da casa, o jardim maravilhoso, o muro... mas o cartaz de “Procura-se...”, que saltava aos olhos. Não sei se o dono da bela casa procurava um amigo-cão para ocupar seu quintal, ou se ansiava por um amigo-humano, de carne, osso e sentimentos, para ocupar um espaço especial em seu coração. Mas prefiro pensar sobre a segunda hipótese...

A carência de amigos reais é fato marcante em nossos dias. As pessoas sonham com amigos “ideais”, mas acabam optando por amigos virtuais (sem cara, sem graça e sem coração) e esquecendo dos prazeres de se cultivar uma amizade real, mesmo com todas as dificuldades que a acompanham.

Estamos nesse mundo para aprender a amar. Deus é amor e a nossa maior lição é amar. O fato é que não vamos dar conta do recado sozinhos, precisamos de pessoas por perto! Pessoas diferentes, extrovertidas, chatas, tímidas, alegres, compreensivas, egoístas, espaçosas, sorridentes... Simplesmente pessoas que Deus colocou ao nosso redor para que a lição do amor seja bastante prática.

Se estamos dispostos a aprender a amar, precisamos nos relacionar. A vida é feita de relacionamentos. E quando mesclamos uma dose de amor sincero aos nossos relacionamentos, deixamos uma marca nas pessoas, que o tempo nem a distância poderão apagar. São momentos juntos, lágrimas não-fingidas, tempo gasto sem arrependimento, palavras firmes e não “jogadas ao vento”, sorrisos fartos e sem temor do que possa beirar o “ridículo”, abraços apertados, olhos fechados em oração, pensamento sempre perto, mão sempre estendida e coração aberto... Isso sim é amizade!

Não se firme em definições aurelianas, empacotadas e prontas para presente... Prefira respirar fundo e ser amigo! Não se apegue a novas paisagens, prefira novos olhos, nova visão... Aprenda a amar e se relacionar da melhor maneira, e com o melhor método: amando e se relacionando!

Ao escrever estas palavras lembro de um amigo. Quem sabe você também não se lembrou de um... Se está perto ou longe, não sei... A certeza que tenho é que sempre posso me aproximar mais, até mesmo tocar pela fé e pedir em oração ao Pai que cuide, guarde, fortaleça...

Descobri que posso ir ao portão da bela casa (meu coração) e tirar o cartaz de “Procura-se”... Olhar ao redor e ver que não estou só, pois já encontrei o Amigo que procurava!


[Mensagem escrita em comemoração ao Dia Mundial do Amigo, em 20/07/2005 – Texto registrado]

Um comentário:

Faculdade de Teologia disse...

Belíssimo texto, maravilhoso...

Fiquem na eterna Paz do Senhor!!!